Google confirma que não propôs compra do WhatsApp

Segundo entrevista do vice-presidente da empresa ao Telegraph, nunca houve uma oferta do Google para comprar o app

 Foto: Jacques Brinon / ReutersFoto: Jacques Brinon / Reuters
O Google afirmou que não fez uma oferta ao WhatsApp, de acordo com o Telegraph. O vice-presidente sênior da empresa, Sundar Pichai, confirmou à publicação de que esse boato é falso. Logo depois do anúncio da compra do WhatsApp pelo Facebook, a revista americana Fortune publicou que o Google teria oferecido US$ 10 bilhões pelo app.
Durante o Mobile World Congress, o executivo disse ao Telegraph que o WhatsApp já conversou com o Google no passado sobre trabalharem juntos, mas que nunca houve uma proposta de compra.
Mark Zuckerberg afirma que Facebook deixará novas aquisições 'por um tempo'Clique no link para iniciar o vídeo
Mark Zuckerberg afirma que Facebook deixará novas aquisições "por um tempo"
No evento em Barcelona, Marck Zuckerberg comentou sobre a aquisição, dizendo que o aplicativo vale mais do que os US$ 19 bilhões que ele pagou. O WhatsApp tem atualmente 450 milhões de usuários no mundo e oferece o envio de mensagens de texto, fotos, áudio e vídeo pela internet, e no próximo semestre, deve oferecer ligações pela web também.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casas do Cidadão alteram critérios de atendimento em Sorocaba

Você sabe a diferença entre pandemia, epidemia e endemia? Pandemia